Fotografia: DR

Cávado foi a sub-região do Norte com o maior aumento de riqueza

Economia bracarense é a que mais tem contribuído para o crescimento da riqueza na sub-região do Cávado.

Joaquim Martins Fernandes
16 Ago 2022

A sub-região do Cávado, formada pelos municípios de Braga, Amares, Barcelos, Esposende, Terras do Bouro e Vila Verde, registou o maior crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), estando agora muito próximo da índice 100 do PIB por habitante. Os números avançados pela Comissão de Coordenação Desenvolvimento Regional do Norte (CCDR-NORTE) na proposta do Norte 2030 – Plano Operacional Regional do Norte, a riqueza “per capita” do Cávado aumentou 29 por cento, desde que o Norte 2020 entrou em vigor.

A Área Metropolitana do Porto, que continua a registar o PIB mais elevado da região, viu o indicador de riqueza crescer 24,7 por cento, que foi a terceira maior subida entre as oito sub-regiões do Norte.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up