Fotografia: DM

Atividades do Ciência Viva atingem recorde de procura e atraem cada vez mais a Braga pessoas de todo o país

“Ciência viva no verão” conta com mais de 300 ações distintas de norte a sul do país e ilhas.

Rita Cunha
8 Ago 2022

Este ano, a procura pelas atividades de Verão organizadas  pelo Centro Ciência Viva em Braga registaram um recorde de procura. Prova disso é o facto de, «em poucas horas», várias sessões terem ficado esgotadas. Notório é ainda o facto de cada vez mais  participarem nas várias iniciativas pessoas de todo o país e não só de Braga e cidades circundantes, o que denota que cresce o número dos que procuram este tipo de iniciativas ligadas à ciência e à natureza mesmo em tempo de férias, quando estão longe de casa.

As informações foram transmitidas ao Diário do Minho pelo diretor do Centro Ciência Viva de Braga, João Vieira, que se mostrou bastante satisfeito com este interesse por parte das famílias. Recorde-se que nos dois anos anteriores a iniciativa realizou-se, mas de forma adaptada devido à pandemia de covid-19, sendo que este ano regressa à normalidade, muito embora ainda seja aconselhado o uso de uma aplicação móvel que garante maior segurança no caso das observações astronómicas.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]

 





Notícias relacionadas


Scroll Up