Fotografia: DR

Presidente da Câmara pede «ainda mais reconhecimento internacional» para a Bienal de Arte de Cerveira

Rui Teixeira, esta tarde, na sessão de abertura da conferência internacional “We must take action #2”.

Rita Cunha
6 Ago 2022

O presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira pediu ontem, na sessão de abertura da conferência internacional “We must take action #2 – Pode a arte pode mudar o mundo?, «ainda mais» reconhecimento internacional para a Bienal de Arte de Cerveira.

«A Bienal tem uma vertente de afirmação política agora e ao longo dos seus 44 anos de existência e merece ter ainda mais reconhecimento internacional pelo que representou a representa na afirmação do Portugal de Abril», disse Rui Teixeira.

Sobre o evento de ontem, que se realizou no Fórum Cultural, o edil, também presidente da Fundação Bienal de Arte de Cerveira, começou por considerar o momento «marcante» uma vez que convoca «a pensar o mundo a partir de Cerveira». A propósito, lembrou que «a Bienal de Cerveira foi pioneira» na descentralização da cultura no país.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up