Fotografia: DR

100 médicos obstetras enviaram carta à ministra da Saúde a pedir escusa de responsabilidade

Médicos internos de todo o país.

Redação/Lusa
4 Ago 2022

Cerca de uma centena de médicos internos de Ginecologia/Obstetrícia assinaram a carta enviada à ministra da Saúde que, entre outras matérias, informa a tutela da entrega de escusas de responsabilidade para quando as escalas de urgência não cumpram o regulamento.

De acordo com dados fornecidos à Lusa pelo Sindicato Independente dos Médicos (SIM), assinaram o documento a nível nacional cerca de 100 internos de Ginecologia/Obstetrícia de todo o país, de um total de 280.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up