Fotografia: DR

Paris Saint-Germain, com três lusos no jogo, conquista Supertaça de França

Pelo PSG foram titulares dois internacionais portugueses, o lateral esquerdo Nuno Mendes e o médio Vitinha, tendo sido ambos substituídos no decorrer da partida, com o ex-sportinguista a ser rendido pelo espanhol Juan Bernat, e o ex-portista pelo seu compatriota Danilo Pereira, ambos aos 68 minutos.

Redação / Lusa
31 Jul 2022

O Paris Saint-Germain, com os portugueses Nuno Mendes e Vitinha no ‘onze’ inicial, conquistou hoje a sua 11.ª Supertaça de França em futebol, a nona nos últimos 10 anos, ao golear o Nantes por 4-0.

A equipa parisiense continua imparável, depois de ter feito uma pré-época 100% vitoriosa, à qual somou hoje a conquista da Supertaça, numa partida em que não deu a mínima chance ao seu opositor de contestar a sua supremacia.

O ‘cilindro compressor’ do PSG passou a ter efeitos práticos aos 22 minutos, quando Lionel Messi abriu o marcador depois de receber um ‘passe de morte’, que o deixou cara a cara com o guarda-redes Alban Lafont, desviando a bola para o fundo das redes.

Ainda antes do intervalo, Neymar marcou um livre direto, à entrada da área, de forma tecnicamente perfeita, fazendo a bola descrever um arco por cima da barreira para só parar no fundo da baliza.

Na segunda parte, o PSG deu o ‘xeque-mate’ no Nantes aos 57 minutos, quando o central espanhol, ex-Real Madrid, Sérgio Ramos, ‘assinou’ o terceiro golo com um toque de calcanhar, após ganhar um ressalto.

Quem fechou a contagem foi Neymar, que ‘bisou’, agora de penálti, após ter sido derrubado por Jean-Charles Castelletto, que viu o cartão vermelho.

Pelo PSG foram titulares dois internacionais portugueses, o lateral esquerdo Nuno Mendes e o médio Vitinha, tendo sido ambos substituídos no decorrer da partida, com o ex-sportinguista a ser rendido pelo espanhol Juan Bernat, e o ex-portista pelo seu compatriota Danilo Pereira, ambos aos 68 minutos.





Notícias relacionadas


Scroll Up