Fotografia: DM

Celebrar 650 anos do Tratado de Tagilde é evidenciar relação luso-britânica exemplar

As entidades oficiais foram recebidas em Tagilde, no concelho de Vizela, em clima de festa.

José Carlos Ferreira
11 Jul 2022

O adro da igreja paroquial de S. Salvador de Tagilde, em Vizela, passados 650 anos, foi ontem palco da recriação da celebração do tratado de amizade entre Portugal e Inglaterra que aqui aconteceu a 10 de julho de 1372, que ainda vigora e, por isso, é o mais antigo do mundo.

A sessão solene comemorativa dos 650 anos do Tratado de Tagilde, onde foi integrada a recriação do momento histórico, foi presidida pelo secretário de Estado da Digitalização e da Modernização Administrativa e contou com as presenças do Embaixador Britânico em Portugal, do presidente da Câmara de Vizela, e da presidente da comissão que organiza estas celebrações, entre outros convidados. No momento dos discursos, o presidente da Câmara de Vizela vincou a importância deste momento.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up