Fotografia: DR

Estudo indica que UE precisa de novo plano para conservar a biodiversidade

Trabalho internacional foi realizado por docente da Universidade do Minho.

1 Jul 2022

A União Europeia precisa de um novo plano para conservar a sua biodiversidade, pois financia mais as plantas de latitudes mais a norte, com distribuição alargada e com flores azuis e roxas. As plantas também só recebem um terço da verba atribuída à conservação dos animais.

O alerta é de Ronaldo Sousa, do Centro de Biologia Molecular e Ambiental da Universidade do Minho, num artigo publicado na revista “Biological Conservation” com coautores da Itália, Finlândia e Suíça. Este trabalho avaliou o programa LIFE (programa da UE para o meio ambiente) entre 1992 e 2020, explorando a distribuição do financiamento na conservação de espécies e habitats.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up