Fotografia: CM Caminha

Caminha inaugura instalação de arte contemporânea “Mordomas”

Vai estar patente ao público até 30 de setembro.

Redação/Lusa
9 Jun 2022

A instalação de arte contemporânea “Mordomas”, de Cristina Rodrigues, vai ser inaugurada no sábado, dia 11 de junho, às 11h00, no Museu Municipal de Caminha. Trata-se de uma homenagem aos bailarinos portugueses e espanhóis de algumas localidades do Caminho de Santiago, revela a autarquia.

Em comunicado enviado às redações, a Câmara de Caminha explica que a instalação é composta por “16 esculturas de figuras humanas em ferro, com 2,10 metros de altura”, sendo que cada uma “é vestida com uma saia têxtil com 1,20 metros de diâmetro”. “Mordomas” conta ainda com um “documentário sobre as danças e rituais em territórios dos Caminhos de Santiago”. No documentário, que reúne histórias de várias gerações de bailarinos, tendo sido gravado no Valadares Teatro Municipal e no Cineteatro dos Bombeiros de Vila Praia de Âncora, participam elementos de vários grupos etnográficos do território de Caminha.

A exposição é “apoiada e dinamizada pelo município de Caminha” e tem curadoria de Mateo Feijóo, diretor artístico espanhol nascido no Gerês em 1968. O trabalho vai estar patente ao público até ao dia 30 de setembro.





Notícias relacionadas


Scroll Up