Fotografia: DM

Abadia espera milhares de devotos no regresso da peregrinação arciprestal

Arciprestado de Amares peregrina ao santuário no próximo domingo.

Jorge Oliveira
25 Mai 2022

O Arciprestado de Amares volta a peregrinar ao santuário de Nossa Senhora da Abadia, no próximo domingo, 29 de maio, depois de dois anos de interregno devido à pandemia.

No regresso desta tradicional peregrinação mariana aos moldes habituais são esperados milhares de peregrinos provenientes das 24 paróquias do Arciprestado e também de três paróquias de arciprestados vizinhos, nomeadamente Parada de Bouro (Vieira do Minho), Rio Caldo e Valdozende (Terras de Bouro). 

«Estou convencido de que vai estar mesmo muita gente. O largo está em obras, na fase final, mas as pessoas escusam de ter receio porque vai haver bastante espaço livre», disse ao Diário do Minho o presidente da Confraria.

Carlos Portela, que reuniu recentemente com os responsáveis do Arciprestado, afirmou ainda que há um «grande empenho» e envolvimento dos párocos para que esta peregrinação seja um «sucesso».

«Esperamos que o tempo também ajude», acrescentou.

O presidente da Confraria convida todos os devotos da Senhora da Abadia, quer de Amares, quer de outros concelhos vizinhos e até de outras regiões, a participarem nesta peregrinação e a usufruírem da beleza daquele que é considerado o santuário mariano mais antigo da Península Ibérica.  

A peregrinação sai às 9h30 da igreja de Bouro Santa Maria em direção ao santuário, onde à chegada (pela 11h00) será celebrada missa campal, presidida por D. Jorge Ortiga, Arcebispo Emérito de Braga.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up