Fotografia: DR

Boavista, Varzim, Académica, Leixões e Trofense falham controlo salarial de maio

A Liga notificou os emblemas «para, no prazo de 15 dias, fazerem demonstração do cumprimento salarial dos referidos meses».

Redação / Lusa
23 Mai 2022

O Boavista, da I Liga portuguesa de futebol, e os ‘secundários’ Varzim, Académica, Leixões e Trofense foram hoje notificados para demonstrarem cumprimento salarial em março e abril, após falharem o controlo de maio.

“A Liga Portuguesa de Futebol Profissional informa que 29 sociedades desportivas – duas das quais com equipas B – cumpriram a obrigação de demonstrar a inexistência de dívidas salariais referentes aos meses de março e abril”, pode ler-se numa curta nota de imprensa, hoje divulgada.

Além do cumprimento da generalidade do futebol profissional, os ‘axadrezados’, bem como dois clubes despromovidos da II Liga, a Académica e o Varzim, e ‘leixonenses’ e ‘trofenses’ falharam o disposto.

Assim, a Liga notificou os emblemas “para, no prazo de 15 dias, fazerem demonstração do cumprimento salarial dos referidos meses”.





Notícias relacionadas


Scroll Up