Fotografia: DR

Manchester City é campeão de Inglaterra

A reviravolta em seis minutos aconteceu pouco antes dos festejos em Anfield, onde o Liverpool, que estava empatado, também se colocou em vantagem, que ainda dilataria para 3-1, mas num resultado que seria sempre insuficiente caso o City vencesse.

Redação / Lusa
22 Mai 2022

O alemão Gundongan saiu hoje do banco para dar a vitória ao Manchester City, num jogo de muitos nervos em que o bicampeão esteve a perder por 2-0 e deixou todos na expectativa nos instantes finais do campeonato.

O City chegava à última jornada apenas com mais um ponto do que o Liverpool, e a desvantagem que hoje teve, aliada à possibilidade de o ‘reds’ vencerem o Wolverhampton, ainda fez admitir que a última jornada da Liga inglesa pudesse trazer surpresas, o que não aconteceu.

Com João Cancelo e Bernardo Silva a titulares, o campeão esteve a perder até aos últimos 15 minutos, graças a golos de Matty Cash e Philippe Coutinho, numa tarde em que Steven Gerrard, antigo jogador do Liverpool, ajudava a sua antiga equipa.

No lado do City, não só os adeptos, mas também Pep Guardiola, desesperavam com o resultado e a possibilidade de o Liverpool passar para a frente, mas foi uma mudança do espanhol que deu ao City os argumentos que faltavam.

O espanhol fez sair Bernardo Silva para entrar Gundogan, e o alemão foi decisivo, ao marcar aos 76 e 81 minutos, no primeiro a reduzir para 2-1 e no segundo já a dar a cambalhota no marcador (3-2), depois de Rodri também marcar, aos 78 (2-2).

A reviravolta em seis minutos aconteceu pouco antes dos festejos em Anfield, onde o Liverpool, que estava empatado, também se colocou em vantagem, que ainda dilataria para 3-1, mas num resultado que seria sempre insuficiente caso o City vencesse.





Notícias relacionadas


Scroll Up