Fotografia: DR

Guimarães quer ser um concelho exemplar na inclusão e acessibilidade para todos

Guimarães quer ser um concelho mais acessível para todos.

Rui Lemos
5 Mai 2022

A Lei das Acessibilidades tem mais de 20 anos, mas na prática o que as pessoas com deficiência e as suas famílias sentem é que não é respeitada e posta em prática», dada a «realidade gritante» das barreiras e da falta de acessibilidades para as pessoas com mobilidade reduzida, assinalou, ontem, Salvador Almeida, fundador e dirigente da Associação Salvador (AS), na sessão de apresentação daquele projeto em Guimarães. Por isso, «queremos mudar Portugal e construir um país para todos», apontou, sublinhando a urgência de promover mais acessibilidade e inclusão social.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]
 





Notícias relacionadas


Scroll Up