Fotografia: CM Braga

INL e UMinho afirmam cidade de Braga como referência internacional biotecnologia

Congresso Ibero-americano de Biotecnologia reúne em Braga especialistas de diversos países

Joaquim Martins Fernandes
7 Abr 2022

A investigação avançada produzida pelo Laboratório Internacional Ibérico de Nanotecnologia (INL) e pela Universidade do Minho (UMinho) afirmaram a cidade de Braga como um centro de referência internacional na área da Biotecnologia.

A ideia foi vincada esta manhã pelo presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, na abertura oficial do terceiro Congresso Ibero-americano de Biotecnologia, que reúne no Altice Forum Braga cientistas, empreendedores, indústria e clínicos de referência nacional de internacional, que desenvolvem a sua investigação e o seu trabalho na área da Biotecnologia.

Para o autarca bracarense, a realização deste congresso em Braga deve-se, «sobretudo à capacidade científica instalada na cidade, quer no Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia, quer na Universidade do Minho», instituições que «têm desenvolvido um trabalho muito relevante com impacto na sociedade, através da transposição efetiva para o tecido empresarial do conhecimento cientifico que vai sendo produzido neste setor».

«Braga olha com muita expectativa para este sector da biotecnologia. A nível municipal, temos a Startup Braga que, além das tecnologias de informação, da nanotecnologia e das ciências da saúde, tem na biotecnologia uma das áreas estratégicas de sua actuação. Por isso, estamos muito recetivos a novos projectos e novas ideias de negócio para este sector», afirmou Ricardo Rio.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up