Fotografia: DR

“Lowlands” dá continuidade ao ciclo “A dança dança-se com os pés”

Espetáculo marcado para sexta-feira.

Redação/Lusa
29 Mar 2022

Com coreografia de Helder Seabra, “Lowlands” é a peça de dança contemporânea que na próxima sexta-feira, dia 1 de abril, marca a continuidade do ciclo “A Dança Dança-se com os Pés” no Theatro Circo.
Resultado de uma coprodução entre a Companhia Instável e o Teatro Municipal do Porto, “Lowlands” é uma peça para oito intérpretes, onde “o criador mergulha na «mente inconsciente», e guia os artistas e o público numa viagem através da «sala de espera mental», onde os pensamentos permanecem até conseguirem atrair o olhar do consciente”.
“Lowlands” refere-se à teoria de Freud, que compara a mente a um iceberg que flutua com um sétimo do seu volume acima da água, a única parte visível. Nesta criação “ressurgem instintos primitivos (desejos, medos, vontades, crenças, ansiedades) e impulsos mantidos à distância, não dissimulados pelos maneirismos da etiqueta para adultos”. Em palco, a fisicalidade dos intérpretes ligada ao inconsciente torna-se a personagem principal; o corpo, o seu recurso.
«Através de uma estética de dança e teatro de elevado nível físico e experimental, visita-se o mundo de sombra da existência, de histórias internas que se desdobram para além da linguagem e da palavra», complementa o coreógrafo Helder Seabra.
Os ingressos, a 12€ (desconto de 50% para alunos de Escolas de Dança ou Artes Performativas), estão disponíveis na bilheteira do Theatro Circo, theatrocirco1.bol.pt e nos locais habituais.




Notícias relacionadas


Scroll Up