Fotografia: DM

Católica quer diplomados com formação humana e não apenas académica

Em 2020-21 graduaram-se 210 estudantes

Carla Esteves
26 Mar 2022

A tradicional cerimónia de entrega de diplomas (2020/21) e de prémios de melhores alunos (2019/20 e 2020/21) da Católica de Braga decorreu, hoje de manhã, sob o signo da mudança e da resiliência para fazer face aos «tempos desafiantes» que vivemos, nomeadamente aos problemas ecológicos e sociais contemporâneos, que agora se intensificam devido ao drama da guerra.

Perante uma audiência composta por docentes, convidados, alunos e familiares, a reitora da Universidade Católica Portuguesa, Isabel Capeloa Gil, e o pró-reitor da UCP, João Duque, foram unânimes no repto que deixaram aos recém-diplomados: mais do que uma qualificação superior de alta qualidade, os novos tempos exigem formação humana profunda e consistente, indo assim ao encontro daquele que é um traço inquestionável da Católica: a formação integral dos seus alunos.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up