Fotografia: Avelino Lima

Amares renova imagem e estrutura de mercado para dinamizar e promover os produtos locais

“Sabores da nossa terra” realiza-se na manhã de cada primeiro sábado do mês, na Praça Dom Gualdim Pais.

Rita Cunha
5 Mar 2022

O município de Amares acaba de renovar a imagem e melhorar as infraestruturas do mercado “Sabores da nossa terra”, que se realiza a cada primeiro sábado do mês, com o objetivo de promover os produtos locais e ajudar a dinamizar e a alavancar o setor primário.
Desde leguminosas a frutas, não esquecendo as compotas, licores, frutas desidratadas, frutos secos, e ovos mas também o artesanato. Uma vasta variedade de produtos pôde ser encontrada esta manhã no espaço montado na Praça Dom Gualdim Pais e foram algumas de dezenas de pessoas que aproveitaram para ver e adquirir alguns artigos.

Hoje, o mercado celebra quatro anos de existência. Por isso, contou com animação a cargo do grupo musical Flores da Primavera e com a instalação de um insuflável que fez as delícias dos mais novos.

À margem do aniversário, o presidente da Câmara Municipal de Amares salientou a importância deste mercado de periodicidade mensal na valorização dos produtos locais e dinamização da atividade agrícola e artesanal. Nesse sentido, a autarquia, em parceria com a ATAHCA e Amarcitrus investiram numa renovação da imagem, com novas bancas em madeira e numa linha de ‘merchandising’ criada numa lógica de sustentabilidade ambiental e tradição. De referir que a nova imagem é fruto da uma uma candidatura elaborada ao abrigo do PDR 2020. O investimento total ronda os 54 mil euros, mas contou com uma comparticipação de aproximadamente 25 mil euros.

«Queremos dar outra beleza ao espaço para que os produtores tenham aqui as condições ideais para venderem os seus produtos», disse Manuel Moreira, lembrando as adversidades que os pequenos comerciantes têm enfrentado nos últimos dois anos devido à pandemia de covid-19.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up