Fotografia: Avelino Lima

Coordenador de vacinação antecipa «nova fase» adaptada à diminuição do ritmo da vacinação

O coronel Carlos Penha-Gonçalves visitou ao início da tarde de hoje o Centro de Vacinação de Braga.

Rita Cunha
17 Fev 2022

O coordenador do plano de vacinação esteve hoje em Braga, numa visita ao Centro de Vacinação instalado no Via Nova, onde antecipou o que considera ser uma «nova fase» no processo, fase essa adaptada a uma nova realidade que se caracteriza pela diminuição progressiva do número de pessoas a serem inoculadas contra a covid-19 e que poderá passar pelo fim destas estruturas.

«Estamos a perceber que a maior parte das pessoas que poderíamos vacinar nesta altura está vacinada, por isso poderemos acabar esta fase e passar para uma posterior em que a intensidade da vacinação vai mudar e o dispositivo que temos irá sofrer alguma reformulação», disse, à margem da visita.

O coronel Carlos Penha-Gonçalves não antecipou uma data para esta alteração, mas acredita que poderá acontecer «nas próximas semanas». Por outro lado, vincou que esta mudança da vacinação não terá, necessariamente, de passar por uma transferência do serviço de vacinação contra a covid-19 para os centros de saúde. «Não obrigatoriamente. Estamos agora a formular um plano dessa reformulação do dispositivo juntamente com a tutela e, depois, a seu tempo, isso será anunciado», referiu.

Sobre o processo de vacinação em Braga, o coordenador considerou-o um «exemplo a seguir».

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up