Fotografia: DR

Investimento de 1 milhão vai promover Caminho Português da Costa pelo mundo

Turismo do Porto e Norte e municípios vão iniciar promoção externa do Caminho em conjunto com a Galiza.

Redação/Lusa
16 Fev 2022

A  Turismo do Porto e Norte de Portugal (TPNP) e os 10 municípios atravessados pelo Caminho Português da Costa para Santiago de Compostela, Galiza, dispõem de um milhão de euros para promoção externa e valorização daquele «ativo turístico», foi hoje divulgado.

Segundo o presidente da TPNP, Luís Pedro Martins, aquela verba «vai ser partilhada entre a entidade regional, os municípios e Turismo de Portugal» para «iniciar já» a promoção externa do Caminho Português da Costa.

O Caminho Português da Costa tem 138 quilómetros de extensão e atravessa os concelhos do Porto, Matosinhos, Maia, Vila do Conde, Póvoa de Varzim, Esposende, Viana do Castelo, Caminha, Vila Nova de Cerveira e Valença.

No início do mês, e em Ano Jacobeu, o Governo português certificou aquele percurso pelo «elevado valor patrimonial dos traçados históricos entre o Porto e Viana do Castelo», e pela «autenticidade e integridade do itinerário, densidade do património edificado e beleza paisagística da envolvente».

Ontem, no final de uma sessão de “celebração” da certificação no exterior da Torre do Relógio, em Caminha, Luís Pedro Martins disse que a promoção externa daquele que «é um dos principais ativos turísticos» da região Norte de Portugal «vai ser feita em conjunto» com a Galiza.

Disse que o objetivo da TPNP «passa por cruzar os Caminhos de Santiago com outros produtos turístico, como o património, a gastronomia, os vinhos e a natureza».

«É tudo isso que queremos aproveitar para mostrar aos peregrinos, num grande trabalho que queremos fazer. Temos verbas interessantes para poder trabalhar não só na permanente reabilitação do caminho, mas também na promoção externa», acrescentou.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up