Espaço do Diário do Minho

O último Livro que li… A EXPERIÊNCIA DO LIMITE HUMANO

17 Ago 2021
Maria Susana Mexia

Este pequeno grande livro partilha connosco a experiência vivida pelo autor, o P. Miguel Cabral, aquando do seu internamento hospitalar em consequência duma pneumonia por Covid 19.

Gravemente doente, passou por todas as fases mais dolorosas dos sintomas, dos tratamentos e respectivas consequências. Foi uma luta travada na fronteira da morte, entre a vida e a partida para a outra Vida.

Médico oncologista de profissão, doutorado em Bioética e sacerdote por vocação, o “senhor Miguel de pijama”, internado numa enfermaria mista, reconhece como foi importante a proximidade da família, dos amigos, de toda a equipa hospitalar que lhe proporcionou não só a salvação mas também procurou minimizar o sofrimento e a dor nos momentos mais difíceis.

Porém, o Padre Miguel sendo um homem de ciência é também um Homem duma Fé inabalável e a sua dimensão transcendente deu um sentido profundo a toda a sua vivência e salvação, do corpo e da alma.

Aprender a sofrer, a agradecer aos homens e a Deus e a reconhecer como toda a nossa vida é uma malha tecida entre todos, com amor, generosidade, compreensão e dedicação.

Não somos um verso solto, caído ou perdido no universo, mas fazemos parte dum poema divino, numa magnânima envolvência de Fé, Esperança e Caridade.

Uma breve reflexão que nos ajuda a ultrapassar a vulnerabilidade da nossa condição humana, tendo na linha de horizonte a certeza de que não estamos sós.



Mais de Maria Susana Mexia

Maria Susana Mexia - 12 Jun 2022

“Não me temo de nada| D’onde guerra inda não soa, | Mas temo-me desta Lisboa, que ao jeito “duma cultura de morte”| O reino nos despovoa.” Não obstante os muitos pareceres negativos, da Ordem dos Médicos, da Ordem dos Enfermeiros, da Ordem dos Advogados, do Conselho Nacional de Ética para as Ciências da Vida e […]

Maria Susana Mexia - 4 Jun 2022

Em muitos meios profissionais, familiares e académicos é altamente desaconselhável empregar os termos “valores”, “ética” ou “moral”. Provocam grandes alergias, desencadeadoras de conflitos e, por vezes, até são estigmatizantes… Opta-se, então, pelo mais fácil, mais cómodo, menos comprometedor, omitem-se estes incomodativos vocábulos. Em muitos ambientes até já são considerados démodé e são substituídos por relativismos […]

Maria Susana Mexia - 21 Mai 2022

A vida fluía no seu ritmo normal, escola, trabalho, casa, filhos, família e livros, tudo se parecia entrelaçar e plasmar numa aguarela com várias nuances e tonalidades. Tranquilamente, os anos lectivos sucediam-se, sem sobressaltos, alunos mais ou menos empenhados, mais ou menos agitados. A estratégia de ensinar a aprender, a gostar das aulas e de […]


Scroll Up