Fotografia: DM

Vila Verde vai investir no melhoramento do santuário de Mixões da Serra

Câmara articula com a Paróquia de Valdreu intervenções para melhorar acessibilidades e condições de visita.

Jorge Oliveira
12 Jun 2021

O Município de Vila Verde vai patrocinar alguns melhoramentos no santuário de Santo António Mixões da Serra, em Valdreu.

A informação foi avançada esta tarde pela vereadora da Cultura da Câmara Municipal à margem do lançamento do livro e abertura da exposição “A Bênção dos Animais de Santo António Mixões da Serra”, na Biblioteca Municipal Prof. Machado Vilela.

Júlia Fernandes adiantou que os melhoramentos vão passar pela calçada que «não está nas melhores condições e será refeita» até ao miradouro.

«Estão a ser estudadas soluções para melhorar aquele enquadramento junto do santuário,  além de que a parte dos escadórios tem sofrido algumas alterações e também vão ser corrigidos esses aspetos»,  precisou.

Estas intervenções serão articuladas com a Comissão Fabriqueira e com o pároco de Valdreu,  José Miguel Neto, com quem a Câmara de Vila Verde tem reunido.

«O nosso objetivo é conseguir colocar este santuário com melhores acessibilidades e condições de visita porque ele é uma das preciosidades, uma das pérolas do concelho, e com uma romaria emblemática, única no país», acrescentou Júlia Fernandes.

A preparação de uma candidatura do santuário de Santo António Mixões da Serra a património imaterial não está colocada de parte.

Na véspera do dia de Santo António, o Município de Vila Verde lançou o livro “A Bênção dos Animais de Santo António Mixões da Serra” e inaugurou uma exposição de fotografia com o mesmo nome,  da autoria de Alfredo Cunha.

O momento foi aproveitado também para lembrar o padre António Marques, antigo pároco de Valdreu, falecido em 2018, que foi um dos grandes impulsionados da romaria e da bênção dos animais naquele santuário.

Quer a vereadora Júlia Fernandes, que o presidente da Câmara de Vila Verde, António Vilela, fizeram questão de homenagear e destacar o contributo do sacerdote para uma romaria que remonta ao século XVII.

A exposição “A Bênção dos Animais de Santo António Mixões da Serra” pode ser apreciada na Biblioteca Municipal até ao fim de agosto.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up