Fotografia: DM

Guimarães aposta na qualificação e promoção da enogastronomia

Autarquia aposta em projeto estratégico para a enogastronomia local

4 Jun 2021

A Câmara de Guimarães está a promover sessões de qualificação, inovação e capacitação em domínios chave dos principais recursos produtivos do concelho. Através da Divisão de Turismo, será elaborado um caderno de referenciais dos principais produtos locais, assim como das receitas mais emblemáticas da região, no âmbito do projeto que se enquadra no contexto da atribuição do galardão “Minho Região Europeia da Gastronomia”, ao qual foi submetida a candidatura conjunta do Consórcio Minho Inovação – CIM’s Ave, Cávado e Alto Minho – ao Programa Operacional Norte 2020 e irá permitir selecionar um conjunto de recursos e produtos, tendo em vista a sua valorização e promoção.

 

Segundo a Vereadora do Turismo da Câmara de Guimarães, a promoção do destino deve caracterizar «aquilo que somos e o que temos para oferecer», sublinhando que a «sustentabilidade é uma área importante e transversal» que importa reforçar em termos de estratégia turística. «O trabalho que estamos a fazer visa qualificar a oferta e associar o conceito de sustentabilidade para posicionar Guimarães em segmentos que são cada vez mais procurados», apontou Sofia Ferreira, esta manhã, no decurso de um wokshop sob o tema “A sustentabilidade começa na Cozinha”, com a participação da Chef Liliana Duarte (Restaurante Cor de Tangerina) e o Chef António Loureiro (Restaurante A Cozinha), moderado por Rafael Oliveira (CEO Feel Agency).





Notícias relacionadas


Scroll Up