Fotografia: DM

D. Jorge Ortiga convida a pensar numa sociedade mais fraterna

Pastoral da Cultura de Braga realizou última conferência do Ciclo “Pensar (De Novo)”

Jorge Oliveira
12 Mai 2021

O Arcebispo de Braga, D. Jorge Ortiga, e a jornalista Fátima Campos Ferreira protagonizaram ontem à noite uma conversa informal sobre a atualidade, naquela que foi a última sessão do ciclo de conferências “Pensar (De Novo)”, organizado pela Pastoral da Cultura da Arquidiocese de Braga.

A exploração de imigrantes (caso de Odemira), a crise de valores, os desafios que se colocam à Igreja, o diálogo interreligioso foram os principais temas abordados, tendo como pano de fundo a Carta Encíclica do Papa Francisco “Fratelli Tutti”.

Num altura em que se assiste a uma «crise de pensamento», D. Jorge Ortiga convidou todos a reflectir e a sonhar juntos, em ordem à construção de uma sociedade mais fraterna e solidária.

Fátima Campos Ferreira defendeu a ideia de que a Igreja Católica vai ter que «mudar» face à rapidez com que o mundo se está a transformar e desafiou-a a tomar a dianteira, num diálogo com as outras religiões para que juntas tragam uma esperança ao mundo.

A conferência, realizada online, moderada pelo diretor do Jornal Diário do Minho, contou com cerca de 130 participantes,  alguns dos PALOP.

O cónego Eduardo Duque adiantou que o Departamento Arquidiocesano da Pastoral Cultural, o qual dirige, está já a preparar um novo ciclo de conferências, e em julho poderá haver já algo presencial.

Revelou ainda que logo que possível, ainda este ano letivo, contam regressar a dois projetos: “Aprender a Ler a Arte” e “Roteiros da História Social e Arquitectónica de Instituições de Braga”.





Notícias relacionadas


Scroll Up