Fotografia: Avelino Lima

Escola primária e Parque de Lazer do Quintalejo serão alvo de intervenções em Padim da Graça

A freguesia foi visitada na tarde de hoje pelo presidente da Câmara Municipal de Braga.

Rita Cunha
7 Mai 2021

O Parque de Lazer do Quintalejo, em Padim da Graça, será dotado de novos equipamentos de apoio, entre eles um parque de estacionamento que permita faze face à elevada procura que esta zona tem durante as festas da freguesia e no verão.

O anúncio foi feito hoje pelo presidente da Câmara Municipal de Braga, à margem de uma visita àquela freguesia e que não só permitiu passar por diversas obras já executadas ou em execução no território como auscultar as necessidades da população local.

De acordo com Ricardo Rio, o parque de estacionamento irá nascer num terreno adjacente ao Quintalejo, adquirido pela autarquia por cem mil euros e doado à Junta de Freguesia.

Para o presidente da Junta, João Moreira, esta zona de apoio reveste-se de particular importância dada a crescente afluência ao espaço, no qual também existe uma piscina e balneários. Para além disso, as festas da freguesia «trazem rulotes de farturas, carrinhos de choque, vendedores ambulantes», sendo que, «com a renovação do parque não temos hipótese de fazer lá». «Assim, iremos fazer as festas no próprio terreno e aliviamos a Estrada Nacional», explicou.

Ainda no Parque de Lazer do Quintalejo, e no âmbito do Orçamento Participativo de Braga, o polidesportivo será alvo de uma requalificação com um valor global de 200 mil euros. Segundo Ricardo Rio, este projeto irá avançar «nas próximas semanas», constituindo-se «uma mais-valia para a freguesia, suas coletividades e população em geral».

A requalificação da escola primária é outro dos projetos da freguesia. Depois da intervenção, orçada em cerca de meio milhão de euros e que não será executada neste mandato mas num próximo, também o jardim-de-infância passará a funcionar neste espaço que se transformará num «mini centro escolar». Aqui, Ricardo Rio sublinhou mesmo que, precisamente por estar prevista esta intervenção, a autarquia ainda não removeu o amianto do jardim-de-infância.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up