Fotografia: DR

Centro Missionário de Braga vai angariar bens para refugiados em Moçambique

Campanha “Juntos por Cabo Delgado” continua ativa.

Redação
11 Jan 2021

O Centro Missionário da Arquidiocese de Braga (CMAB) vai lançar em breve, juntamente com outras entidades ligadas à Igreja Católica, uma campanha de angariação de bens para serem distribuídos pelos refugiados internos na província de Cabo Delgado, em Moçambique.

«Infelizmente a guerra não acabou e as suas consequências ainda irão durar muitos anos. Desde setembro, altura em que foi lançada a campanha “Juntos por Cabo Delgado”, que o número de deslocados internos na província duplicou», justifica o CMAB.

Numa nota à imprensa, o Centro Missionário, coordenado por Sara Poças, apela à «solidariedade de todos/as», referindo que a campanha de angariação de bens será realizada a pedido da Diocese de Pemba.

Quanto à  campanha “Juntos por Cabo Delgado”, continua em curso com o objetivo de apoiar as cerca de meio milhão de pessoas deslocadas que fugiram das suas aldeias por via dos ataques de um «grupo sem rosto que semeia o terror, matando e queimando» e que chegam a Pemba (capital da Província) e a outros locais «sem o essencial para viverem».

Na Arquidiocese de Braga, a campanha “Juntos por Cabo Delgado” rendeu, até ao dia 31 de dezembro 2020, a quantia de 54.924,50 euros.

Na mesma nota, o CMAB aproveita para agradecer a todas as pessoas e instituições que se ligaram a esta causa e têm contribuído para ela com  «oração, doação e divulgação».

[Notícia na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up