Fotografia: Cedida ao Diário do Minho

Oficialmente não houve mas alguns mergulharam no mar de Apúlia

2021.

Nuno Cerqueira
3 Jan 2021

Ia ser a quarta edição do primeiro  “Mergulho do Ano Apúlia” no concelho de Esposende, mas a pandemia travou tudo.

«Atendendo aos condicionalismo e restrições que vivemos devido ao covid-19, não nos foi possível efectuar o nosso tradicional mergulho do ano aberto a todos», referiu a organização.

No entanto, alguns não deixaram passar a data em branco e, tentando cumprir as regras impostas, numa manifestação individual cumpriram a tradição.

«Esperemos que 2021 seja o regresso à tão esperada normalidade e no próximo ano estejamos todos juntos para uma estrondosa 5ª Edição do Mergulho do Ano – Apúlia 2022», frisa a organização.

 





Notícias relacionadas


Scroll Up