Fotografia: DM

Arcebispo de Braga pede aos jovens que cultivem a fraternidade

D. Jorge Ortiga dirigiu mensagem aos participantes da atividade “Hi-God – Um dia com Deus”, realizada hoje online

Jorge Oliveira
28 Nov 2020

O Arcebispo de Braga incentivou hoje os jovens a abrirem o coração aos outros e a não terem medo de «amar sem fronteiras», lembrando que neste tempo de pandemia «são muitos os problemas» aos quais é necessário dar resposta.

«Não tenhamos fronteiras  para o amor, importa que o amor quebre todas as barreiras e sejamos capazes de nos encontrar em termos de fraternidade com todos, não excluindo ninguém, importa viver esta relação da fraternidade através da amizade, a fraternidade constrói-se com a amizade», pediu.

D. Jorge Ortiga deixou este desafio na mensagem dirigida aos participantes da atividade religiosa “Hi-God – um dia com Deus” que se realizou ontem em formato online com o tema central “Amar sem fronteiras”, inspirado na nova encíclica do Papa Francisco “Fratelli Tutti”, numa organização do Grupo Peregrinos, da Arquidiocese de Braga.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up