Fotografia: Nuno Cerqueira

Altino Bessa reivindica reforço de policiamento no concelho

Pede ainda mais efetivos da PSP e GNR.

Redação / NC
22 Nov 2020

O presidente da concelhia do CDS-PP, também vereador na Câmara de Braga, veio a público pedir mais policiamento no concelho de Braga.

Altino Bessa refere, em nota de imprensa, que que conjuntura pandémica «trouxe consigo inúmeras problemáticas estruturais».

«Uma dessas problemáticas está intimamente relacionada com questões do foro da segurança pública, O confinamento é uma medida necessária, mas que pode provocar alguma insegurança para quem circula nas ruas e, particularmente, para quem trabalha no setor comercial», aponta e até tem uma teoria.

«Com a redução de circulação nas ruas, a inconstância aumentou substancialmente. Dada esta realidade, mostra-se premente um aumento de patrulhas nas ruas. Lojistas, pessoas que não se encontram em teletrabalho e circulam diariamente nas ruas ou moradores, por exemplo, sentem-se inseguros e preocupados com o aumento de assaltos. Além dos assaltos na via pública, a insegurança em algumas zonas habitacionais também se faz sentir», refere Altino Bessa que até desafia a uma experiência.

«Se fizermos uma experiência e, nas últimas horas do dia circularmos pelas ruas do centro histórico de Braga, é notória a redução do número de movimento. Logo, há mais oportunidade para encetar tentativas de assalto. A maioria do comércio mantém a porta aberta até às 19 e 20hoo, hora de parca circulação de população. Ao início da noite as ruas ficam desertas. Ora, para que se possa combater a inquietação instalada, é categórico o incremento de policiamento no centro histórico da cidade, mas também nas freguesias limítrofes», justifica sesta forma Altino Bessa ao pedido de mais policiamento no concelho.

 





Notícias relacionadas


Scroll Up