Fotografia: Liga Portugal

UD Oliveirense, FC Porto B e Benfica B realizam testes rápidos de antigénio

O médico pneumologista Filipe Froes, consultor da Liga de clubes para as questões relacionadas com o novo coronavírus, afirmou que o estudo piloto “pretende validar a utilidade dos TRAg no rastreio periódico de populações de risco, garantindo um melhor custo-efetividade e alocação de meios com ganhos de segurança e no combate à pandemia”.

Redação/Lusa
23 Out 2020

Oliveirense, FC Porto B e Benfica B foram as primeiras equipas profissionais a realizar testes rápidos de antigénio (TRAg), simultaneamente aos habituais testes PCR, de rastreio ao novo coronavírus, anunciou hoje a Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP).

“A LPFP informa que os plantéis da UD Oliveirense, do FC Porto B e do SL Benfica B foram as primeiras equipas a avançarem para testes rápidos de antigénio (TRAg), que serão efetuados simultaneamente aos habituais testes PCR, que se mostram programados, durante três semanas”, refere o organismo, em comunicado divulgado no site oficial.

De acordo com a LPFP, o procedimento realizado pelas três equipas antes dos respetivos jogos da sétima jornada da II Liga, que se disputam este fim-de-semana, permitirá verificar se os resultados dos TRAg são “concordantes” com os dos PCR.

“Confirmando-se este cenário, possibilitará mais uma alternativa às sociedades desportivas, não só pelo custo mais baixo, mas também pela maior rapidez na obtenção dos resultados”, realçou a LPFP, recordando que os clubes profissionais têm “efetuado uma grande carga de testes a todos os jogadores”.





Notícias relacionadas


Scroll Up