Fotografia: Ana Marques Pinheiro

Marcelo diz crise só será ultrapassada se houver uma preocupação com o ambiente

Cerimónia assinalou o 50.º Aniversário da Inauguração do Parque Nacional da Peneda-Gerês.

Ana Marques Pinheiro
11 Out 2020

Marcelo Rebelo de Sousa referiu hoje que «não é possível enfrentar uma pandemia e uma crise económica e social sem o fazer olhando para a dimensão ambiental».

«Não é possível olhar para a pandemia se não de uma perspetiva da importância do ambiente, dos ecossistemas, da ação climática, da natureza e da sua relação com o humano. Não é possível atravessar uma crise económica e social se não de uma forma sustentável», afirmou o Presidente da República.

Marcelo Rebelo de Sousa esteve presente na cerimónia que assinalou os 50 anos da criação do Parque Nacional Peneda-Gerês.

Na mesma ocasião foi assinado o protocolo de cogestão do Parque Nacional da Peneda-Gerês, entre o Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), o Fundo Ambiental e a ADERE-Peneda Gerês, organização que desenvolve a sua atividade nos municípios integrantes deste território – Arcos de Valdevez, Melgaço, Montalegre, Ponte da Barca e Terras de Bouro. O modelo de cogestão desta Área Protegida integra também uma instituição de ensino superior, uma associação de defesa do ambiente e outros atores de relevância local. 

Este protocolo prevê uma verba de 100 mil euros, a ser aplicada durante 36 meses, para apoio técnico e operacional e atividades prioritárias de promoção da cogestão desta área protegida.

A celebração continuou na reserva da Mata da Albergaria onde foi solta uma águia cobreira.

Marcelo cumprimentou todos os guardas florestais e referiu que sem eles «era impossível» encontrar nestas condições o Parque Nacional Peneda-Gerês.





Notícias relacionadas


Scroll Up