Fotografia: Estúdios Lima / Vila Verde

SC Braga atira-se à arbitragem de João Pinheiro no jogo com FC Porto

Penálti que esteva na origem do 2-1 e outros «pormenores que acabaram por definir o vencedor e que jogaram, invariavelmente, contra nós» na mira dos guerreiros do Minho.

Redação / Lusa
22 Set 2020

«O penálti assinalado por alegada falta de Raúl Silva (45’+3) sobre Marega levanta várias dúvidas: será que a mesma falta teria sido assinalada no meio-campo? E se as cores das camisolas fossem outras? Ou a área fosse a contrária? Pois… nunca saberemos, não é? O que é uma pena, diga-se», pode ler-se na primeira edição da newsletter oficial do clube bracarense, lançada esta terça-feira.

«Parece um lugar comum, mas este foi um jogo amplamente decidido nos detalhes: no fora de jogo arrancado a ferros a Abel Ruiz (8 centímetros) e no bocado de relva no qual a bola ‘saltitou’ antes do remate de Ricardo Horta (48’). Pormenores que acabaram por definir o vencedor e que jogaram, invariavelmente, contra nós», vinca a mesma nota.

Veja aqui tudo sobre o jogo.





Notícias relacionadas


Scroll Up