Fotografia: DR

Contentores da Unidade de Rastreio do Carandá com nova localização

Para garantir distanciamento e segurança dos utilizadores do Mercado Cultural do Carandá.

Redação
5 Set 2020

Como forma de garantir a segurança, o distanciamento e a circulação dos utilizadores que acedem aos equipamentos culturais do Mercado Cultural do Carandá, o Município de Braga, em coordenação com o ACES Braga e com o grupo DST, procedeu à deslocalização dos contentores da Unidade de Rastreio de testes à Covid-19 ali instalados.

«Os contentores mantêm-se no mesmo parque, em frente à Unidade de Saúde do Carandá, mas agora numa zona reservada que permite a livre circulação de pessoas e de frequentadores do Mercado Cultural. Esta nova localização não interfere com o processo de testagem nem com o início das actividades dos equipamentos culturais que necessariamente vai originar uma maior afluência ao local», refere a autarquia em nota de imprensa.

O centro do Carandá surgiu para reforçar a capacidade de diagnóstico à população e aos profissionais dos Lares e das IPSS’s, sendo que a criação desta unidade de recolha de análises resultou de uma parceria entre o ACES Braga, a Câmara de Braga e do grupo DST, que disponibilizou todas as instalações graciosamente.

«O Município irá agora proceder a uma intervenção de regularização e nivelamento do pavimento de forma a restabelecer a normal circulação no local», vaticina a nota de imprensa.





Notícias relacionadas


Scroll Up