Fotografia: DR

Juventus com Ronaldo a marcar sagra-se campeã de Itália pela nona época consecutiva

Ronaldo marcou um golo (e ainda falhou um penálti) mas a luta pelo título de melhor marcador do Calcio ficou mais difícil porque Ciro Immobile, da Lazio, fez um hat-trick (o italiano soma agora mais três golos que o português).

Lusa
27 Jul 2020

A Juventus sagrou-se hoje campeã de Itália pela nona vez consecutiva ao vencer a Sampdoria (2-0), na 36.ª jornada da Liga italiana de futebol, com um golo, uma assistência para outro e um penálti falhado de Cristiano Ronaldo.

Uma primeira parte muito pobre em termos de intensidade e qualidade de jogo por parte da Juventus só foi quebrada à beira do intervalo, aos 45+7 minutos, quando Cristiano Ronaldo inaugurou o marcador com um remate potente na sequência de uma jogada estudada.

O médio bósnio Miralem Pjanic simulou que iria bater direto um livre assinalado junto à quina da área da equipa de Génova, sobre o lado direito do ataque da Juventus, mas correspondeu ao movimento de Cristiano Ronaldo que recuou, fugindo ao aglomerado de jogadores na área, e meteu-lhe a bola rasteira e ‘redonda’ para a finalização do português.

Na segunda parte, a Juventus chegou ao segundo golo aos 67 minutos, com Cristiano Ronaldo a ter participação indireta no mesmo, visto que o remate potente que o guarda-redes Emil Audero rechaçou para a frente e proporcionou a recarga vitoriosa de Federico Bernardeschi pertenceu ao número 7 da ‘vecchia signora’.

De assinalar que Cristiano Ronaldo ainda falhou um penálti, aos 89 minutos, por derrube a Alex Sandro na área, ao rematar à barra, o que o deixaria, a ser concretizado, a dois golos do líder da tabela de melhores marcadores, Ciro Immobile, que hoje ‘assinou’ um ‘hat-trick’ na vitória da Lazio em Verona por 5-1, sendo dois dos golos marcados na execução de penáltis.

O médio norueguês da Sampdoria, Morten Thorsby, foi expulso por acumulação de cartões amarelos após uma entrada dura sobre Miralem Pjanic.

 

A duas jornadas do fim do campeonato, o dianteiro da Lazio lidera a tabela com 34 golos, seguido de Cristiano Ronaldo, com 31, e do avançado belga, Romelu Lukaku, com 23.





Notícias relacionadas


Scroll Up