Fotografia: DR

Corrente solidária por menino que ficou 95% incapacitado após atropelamento em Esposende

Solidariedade.

Nuno Cerqueira
8 Jun 2020

Já está criada em Esposende um corrente solidária de forma a ajudar Serginho, um menino que ficou entre a vida e a morte após atropelamento na EN103-1, em Palmeira de Faro, concelho de Esposende (ver aqui).

Com 12 anos de idade, Serginho conseguiu sobreviver após um ano de luta, mas acabou 95 % incapacitado, obrigando a mãe a abandonar o trabalhar para se dedicar 100% à criança.

O menino sempre foi muito ativo, dedicando-se mesmo a projetos sociais como ajudar meninos necessitados e até a animar as pessoas com a concertina que tocava (ver aqui).

Ainda aguardar por decisões das seguradoras, os gastos com com a saúde do Serginho são grandes.

Apesar de nunca terem pedido apoio público, Sara e Paulo, pais de Sérgio, aceitaram agora fazer parte de um grupo de apoio organizado por amigos e familiares, com a intenção de os ajudar, de forma urgente.

«Vão ser realizados uma série de eventos e vai ser criada uma conta solidária nos próximos dias», refere fonte próxima do grupo criado (ver aqui).

 





Notícias relacionadas


Scroll Up