Fotografia: DR

CLIB atinge as 25 mil refeições doadas e quer “virar a página” com sede própria

A instituição pretende conquistar uma sede própria onde possa instalar uma cozinha solidária, assim como iniciar outros projetos e consolidar parcerias com instituições.

Rita Cunha
8 Jun 2020

O projeto de preparação e distribuição de refeições solidárias criado pelo CLIB – Colégio Luso-Internacional de Braga para ajudar os mais carenciados em tempos de pandemia alcançou no passado domingo as 25 mil refeições. Ter uma sede própria e consolidar parcerias com mais instituições é agora o próximo passo.

Em comunicado, o CLIB adianta que este marco das 25 mil refeições é muito importante e só possível com a ajuda de uma equipa de voluntários que já ultrapassou as duas centenas de pessoas, para além dos cerca de 200 doadores, entre empresas e particulares, que «são atualmente a única fonte de sustento do projeto».

Agora, a instituição pretende “virar a página” e conquistar uma sede própria onde possa instalar uma cozinha solidária, assim como iniciar outros projetos e consolidar parcerias com instituições, sempre com o objetivo de ser «uma resposta temporária que ajude as pessoas mais necessitadas».

Desta forma, o projeto consolida o seu processo de autonomização em relação à casa mãe, o CLIB, assumindo uma identidade própria, que pretende manter e alargar a sua ação no quadro da intervenção socio-comunitária no concelho de Braga. Esta nova identidade também já tem uma designação: “Virar a Página”.

Recorde-se que, há cerca de um mês, esta iniciativa transferiu o seu trabalho para as instalações do Centro Paroquial de Gualtar, que cedeu temporariamente a sua casa. Além de refeições, este projeto tem vindo a fazer o encaminhamento das famílias apoiadas, bem como a distribuição de roupas, livros, brinquedos e mobiliário.





Notícias relacionadas


Scroll Up