Fotografia: Ana Marques Pinheiro

Fiéis pedem proteção e ânimo a Nossa Senhora do Sameiro

Peregrinação arquidiocesana costuma realizar-se no primeiro domingo de junho.

Ana Marques Pinheiro
7 Jun 2020

A Cripta do Sameiro recebeu hoje a solenidade da Santíssima Trindade. O espaço encontrava-se praticamente cheio dentro das condicionantes do distanciamento social.
A tradicional Peregrinação Arquidiocesana ao Sameiro, que acontece no primeiro domingo de junho, não se realizou, mas foi possível a celebração de uma eucaristia.
O Cónego José Paulo Abreu presidiu à celebração e reforçou a ideia de que «Deus é família, Pai, Filho e Espírito Santo».
O presbítero explicou o que é cada uma das pessoas da Santíssima Trindade representa no processo da salvação e reforçou o caráter familiar que a oração deve ter.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up