Fotografia: DM

Restaurantes de Braga garantem segurança e apelam ao regresso «sem receios nem medos»

A União de Restaurantes de Braga de Apoio ao Covid-19 (URBAC-19) adianta que a reabertura está a ser preparada e decorrerá «em estrito cumprimenro de todas as recomendações da DGS».

Carla Esteves
11 Mai 2020

A espera pelo regresso ao ativo e a luta por medidas que respondessem às reais necessidades do setor já vão longas, mas  no próximo dia 18 de maio os restaurantes, bares e cafés vão, finalmente, poder reabrir portas para o que consideram «uma nova era da restauração». Em Braga os empresários ultimam os preparativos, mas tudo está já definido para um regresso que garantem que será «plenamente seguro» e em «estrito cumprimento de todas as recomendações da Direção Geral de Saúde (DGS)».

Tiago Carvalho, porta-voz do movimento Urbac 19 (União de Restaurantes de Braga de Apoio ao COVID -19) lançou ontem um apelo aos clientes para que «regressem  sem receios nem medos» e para que «desfrutem de tudo aquilo que um restaurante da região lhe pode proporcionar».

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up