Fotografia: Nuno Cerqueira

Ajuntamentos de mais de 10 pessoas proibidos. Veja aqui o plano apresentado

Veja aqui o plano.

Nuno Cerqueira
30 Abr 2020

O Conselho de Ministros aprovou hoje o plano de transição de Portugal do estado de emergência, que cessa no sábado, para o estado de calamidade, anunciou o primeiro-ministro, António Costa.

Segundo António Costa, no combate à propagação da covid-19, ao longo dos dois últimos meses, o país «registou uma evolução positiva» no combate à pandemia de covid-19.

 

 

Este jornal esteve a ver em detalhe o plano, sendo assim, em forma geral, a partir já da próxima segunda-feira, 4 de maio, é proibido ajuntamentos de mais dez pessoas e o trabalho, sempre que possível, deve ser sempre realizado à distância (teletrabalho) até ao final de maio.

O primeiro Ministro as missas vão voltar no próximo mês, a 30 de maio (ver aqui), e a rigidez das restrições aos funerais vão ser aliviadas (mas as celebrações apenas serão abertas a familiares).

O futebol da I Liga também regressa (ver aqui).

O primeiro-ministro apresentou estes e outros elementos do plano de desconfinamento.

 





Notícias relacionadas


Scroll Up