Fotografia: GNR

Caso de violência doméstica na Póvoa leva à apreensão de duas armas

Póvoa de Lanhoso.

Nuno Cerqueira
15 Abr 2020

O Comando Territorial de Braga, através do Posto Territorial da Póvoa de Lanhoso, anunciou hoje, a apreensão de duas armas de fogo, por violência doméstica, na Póvoa de Lanhoso.

«A ação deu-se depois de uma denúncia a relatar um eventual caso de violência doméstica entre um casal, em que a vítima, de 46 anos, era alvo de ameaças de morte constantes por parte do marido, de 50 anos», começou por revelar a GNR.

Os militares realizaram uma busca domiciliária que permitiu apreender uma espingarda, uma arma pressão de ar, uma pistola adaptada, 246 munições de diversos calibres e uma cartucheira.

«O suspeito não tem uso e porte de arma, estando todas as armas em situação ilegal», apontou a GNR

Os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial de Braga.





Notícias relacionadas


Scroll Up