Fotografia:

Keane explica a paixão pelo futebol, viagens e… cangurus

«Os meus pais venderam a casa onde cresci e compraram uma autocaravana. Estava a viver na faculdade, mas sempre que podia ia visitá-los e viajava pelos Estados Unidos com eles», revelou.

Pedro Vieira da Silva
10 Abr 2020

«A carreira futebolística de Hannah Keane é passada em três continentes: América, Oceania e Europa. A camisola 15 da Legião é uma das cinco maiores artilheiras da história do clube arsenalista e revelou em exclusivo ao scbraga.pt momentos e curiosidades que te irão surpreender», é assim que o SC Braga apresenta a avançada norte-americana.

 

 

«Ganhei uma paixão enorme pelos cangurus. Eles são tão adoráveis… gostei de alimentá-los. Tinham garras grandes o que era um pouco assustador, mas eram simpáticos desde que tivesse comida», revela.

 

 

«Os meus dois irmãos mais velhos jogaram futebol e quando eles tinham jogos os meus pais levavam-me com eles para ver, mas eu ficava só a correr com a bola sozinha. Depois, juntei-me a uma equipa quando tinha cinco anos. Eu experimentei outros desportos (ténis, atletismo, pólo aquático, basquetebol e natação), mas não gostei de nenhum como gostava de futebol. Hoje em dia, os meus irmãos já admitem que jogo melhor futebol do que eles, isso é algo que me deixa radiante (risos)”», contou.

 

 

«Os meus pais venderam a casa onde cresci e compraram uma autocaravana. Estava a viver na faculdade, mas sempre que podia ia visitá-los e viajava pelos Estados Unidos com eles. Nessas viagens tivemos alguns pneus furados, aconteceu que os sítios onde queríamos estacionar a caravana para dormir já não eram autorizados e tivemos de procurar outros locais para ficar durante a noite. Adorei a experiência e vou fazer o mesmo no futuro», juntou.

 

 





Notícias relacionadas


Scroll Up