Fotografia: JMF

Covid-19. Câmara de Famalicão aprova apoios económicos e fiscais a famílias e empresas

Notícia em atualização

Joaquim Martins Fernandes
9 Abr 2020

A Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão acaba de aprovar um pacote de medidas fiscais e de apoio económico às famílias e às empresas do concelho.

As estimativas apresentadas pelo presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha, é que os apoios fiscais concedidos no âmbito da água de abastecimento públicos, águas resdiduais e saneamentos tenham um impacto financeiro entre menos 10 a menos 15 por cento na fatura de mais de 50 mil famílias, o que representa uma redução da receita municipal acima dos 50 mil euros mês.

A medida foi aprovada por unidade, mas os vereadores do PS, pela voz de Nuno Sá, acusaram a maioria de ficar a meio do caminho. Os eleitos socialistas defenderam que as medidas aprovadas incluíssem uma redução de 50 por cento no tarifário.

Paulo Cunha alegou que o Município tem que ser realista e ir até onde é racional e fez saber que já diligenciou junto da empresa Águas de Portugal, que abastece o concelho, da possibilidade de reduzir o preço da água da rede pública que vende ao Município famalicense.

«Se houver uma redução do preço que pagamos à empresa, que é do Estado, essa diminuição será imediatamente refletida nas famílias», garantiu Paulo Cunha.





Notícias relacionadas


Scroll Up