Fotografia: Arquivo DM

‘Noite Branca’ de Braga em risco e patrocínios começam a cair

Principal patrocinador do Município de Braga quer cortar apoios no valor de 400 mil euros

Joaquim Martins Fernandes
5 Abr 2020

A Câmara Municipal de Braga admitiu hoje a possibilidade de ter que cancelar a realização da edição de 2020 da Noite Branca, que está calendarizada para setembro.

A decisão ainda está a ser analisada pelo Município, que já foi informado pelos patrocinadores da intenção de cortes no valor de centenas de milhares de euros que estavam destinados a patrocinar várias atividades que já foram canceladas.

A revelação foi feita pelo presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, ao Diário do Minho. «Neste momento, ainda não há uma decisão fechada, mas estamos a analisar a evolução da situação relativa à pandemia que afeta o país», disse Ricardo Rio, assumindo que a não realização da Noite Branca, que estava prevista ter duração de três dias, é uma possibilidade que está em cima da mesa.

O autarca bracarense disse ainda ao DM que a cervejeira que é o principal patrocinador das realizações municipais já fez saber que pretende reduzir em 400 mil euros o valor dos patrocínios fixos contratualizados com o Município de Braga.
[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up