Fotografia: DM

D. Nuno Almeida destaca papel dos leigos na ligação da Igreja ao mundo

Bispo auxiliar de Braga presidiu à Eucaristia de hoje no Paço em substituição do Arcebispo que sentiu uma «leve indisposição»

Jorge Oliveira
27 Mar 2020

O Bispo auxiliar de Braga realçou hoje o papel dos leigos no seio da Igreja, afirmando que a sua missão é uma espécie de ponte entre a vida eclesial e a vida na sociedade.

«O fiel leigo é um discípulo missionário desde o baptismo unido a Cristo e ao serviço dos irmãos, a sua missão é, no fundo, ser Igreja no coração do mundo. Mas, ao mesmo tempo, através do fiel leigo é o mundo que está no coração da Igreja, porque somos enviados a esse mesmo mundo», explicou D. Nuno Almeida, quando presidia à Eucaristia no Paço Arquiepiscopal, transmitida como habitualmente pelos canais online da Arquidiocese de Braga.

Assim, os batizados leigos, preconizou, «terão que alicerçar a sua vocação a partir de dentro e depois deixar-se conduzir» dando testemunho no mundo e levar à Igreja as «ânsias, as conquistas, mas também os momentos dramáticos como o que atualmente vivemos».

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up