Fotografia: Vitória SC
Venâncio quer disputar as 10 jornadas em falta da I Liga

Atletas têm utilizado a aplicação “Zoom” para treinarem ao mesmo tempo, «matando saudades uns dos outros».

Pedro Vieira da Silva/Lusa
26 Mar 2020

O defesa central Frederico Venâncio, do Vitória de Guimarães, admitiu hoje que seria «estranho» a I Liga portuguesa de futebol não terminar, depois de interrompida devido à pandemia da covid-19.

«Queremos terminar o campeonato, fazer aqueles jogos que faltam para sabermos em que classificação ficamos e que objetivos conseguimos cumprir. Tivemos uma época longa, a lutar por um objetivo comum, de equipa. Não o poder terminar seria um bocado estranho», realçou, numa videoconferência organizada pelo clube da cidade-berço.

O futebolista, de 27 anos, realçou que a «grande prioridade» do momento é a «salvaguarda da saúde pública», tendo apelado aos adeptos vitorianos que «fiquem em casa e respeitem as indicações da Direção-Geral da Saúde (DGS)», mas assumiu que gostaria de terminar o campeonato depois do trabalho realizado em busca de um dos cinco primeiros lugares e consequente apuramento para a Liga Europa.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up