Fotografia:
Comandante da PSP apela à população para só sair nos casos previstos na lei

Superintendente Pedro Teles em entrevista ao Diário do Minho.

26 Mar 2020

O Comandante Distrital da PSP de Braga apelou ontem à população para que fique em casa durante o Estado de Emergência e que só saia nos casos previstos na lei.

Em entrevista ao Diário do Minho, o superintendente Pedro Teles vincou que a PSP nunca deixará de sensibilizar as pessoas pedagogicamente quando detetar infrações, como tem feito até agora. Contudo, a partir daqui, caso seja necessário uma ação mais coerciva para resolver os casos de desobediência, a PSP não hesitará em fazê-lo.

«Se bem que vamos procurar evitar ao máximo o recurso a meios coercivos, não hesitaremos em fazê-lo sempre que tal se torne necessário e se mostre ser a única forma de o fazer para as pessoas cumprirem aquilo que está estabelecido. E isto está estabelecido assim para que as pessoas não colocarem em risco a segurança de todos os outros», disse.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up