Fotografia: DR

Autarca de Belinho e Mar diz que vai chamar a GNR

Covid-19.

Nuno Cerqueira
23 Mar 2020

O presidente de junta da União de Freguesias de Belinho e Mar afirma que se os 14 dias de quarentena dos emigrantes não for respeitado que vai chamar a GNR.

Numa comunicação dirigida aos emigrantes, Manuel Abreu não esconde que é para todas famílias de Belinho e Mar receber «um prazer receber-vos», mas que «como já devem ter reparado este não é o melhor momento para o vosso regresso à freguesia que vos viu nascer».

«Pois devido às contingências relativas ao Covid-19 informo que caso regressem terão que estar em quarentena 14 dias seguidos, em vossa casa», aponta.

O autarca diz mesmo que «caso contrário, todos nós que vos consideramos amigos, tomaremos as medidas necessárias com queixas à GNR para que sejam obrigados a cumprir a lei».

«Espero que compreendam mas é a luta pela sobrevivência», vaticina Manuel Abreu.





Notícias relacionadas


Scroll Up