Fotografia: DR

Várias Câmaras adiam ou suspendem atividades e fecham serviços

Em Celorico foi cancelada a Festa das Camélias e adiada a celebração 500 anos da atribuição do Foral.

Rita Cunha
9 Mar 2020

Seguindo as recomendações do Governo e da Organização Mundial de Saúde, diversas Câmaras Municipais da região decidiram adotar medidas preventivas adiando ou suspendendo atividades agendadas para os próximos dias.

A Câmara Municipal de Celorico de Basto foi uma delas, tendo emitido ontem um despacho para anunciar o cancelamento da Festa Internacional das Camélias e o adiamento do evento de celebração dos 500 anos da atribuição do Foral.
No despacho, a autarquia refere que, verificando-se estes eventos implicarão elevada participação de público e, como tal, serão eventos potenciadores de graves riscos de transmissão do vírus COVID-19, o presidente, Joaquim Mota e Silva, determina o cancelamento do evento da Festa Internacional das Camélias e o adiamento do evento de celebração dos 500 anos da atribuição do Foral, que oportunamente será reagendado.
Na mesma deliberação, o autarca determina, «com efeitos imediatos, a suspensão, até decisão em contrário, do programa Celorico a Mexer».
Ainda com «carácter de urgência», o autarca Joaquim Mota e Silva agendou para hoje, dia 10 de março, uma reunião do Conselho Municipal de Segurança e do Conselho Municipal de Educação, com a participação do Delegado de Saúde local, «para ponderação de medidas adicionais a adotar».

A Câmara de Ponte de Lima também cancelou as feiras quinzenais dos dias 16 e 30 de março, junto ao rio Lima, e suspendeu todas as atividades culturais organizadas e promovidas pelo município este mês.
Aquela autarquia determina ainda a realização de treinos e competições à porta fechada e suspendeu «todas as atividades culturais no Teatro Diogo Bernardes, e outras que sejam organizadas e promovidas pela autarquia».

De igual modo, a Câmara de Viana do Castelo decidiu suspender ou adiar todos os eventos e atividades quer da sua responsabilidade, quer promovidos por outras entidades que estavam previstos para este mês.
Previstos para o centro cultural da cidade foram suspensos ou adiados o espetáculo “A Várias Vozes” do Grupo Etnográfico de Areosa, marcado para sexta-feira, a Cimeira IPVC, um concerto dos D.A.M.A, a atribuição dos Troféus O Minhoto e a XX edição do Lethes-Festival de Tunas Cidade de Viana do Castelo.
A decisão abrange, no Teatro Sá de Miranda, um concerto pela Orquestra de Sopro/Escola Profissional de Música e uma peça de Teatro Infantil “O Gato Malhado e a Andorinha Sinhá”.

Também não se realizarão o 5.º Duatlo de Viana do Castelo, a Viana Cup e o Torneio Internacional de Karaté Full Contact. As iniciativas PUBHD Viana do Castelo, Sábados Com Histórias e ‘workshops’ no mercado municipal foram igualmente suspensos.
Em Amares, apesar de não existir nenhum caso confirmado de infeção, será ativado, «de imediato», um plano preventivo. Nesse sentido, entre outras medidas, serão encerrados, temporariamente, alguns serviços, nomeadamente as piscinas municipais, a Biblioteca Francisco Sá de Miranda, a loja interativa de Caldelas, o Gabinete de Inserção Profissional (GIP) e Gabinete da Ação Social. Os eventos programados para o mês de março também serão cancelados.

Para além disso, «privilegia-se, em todos os serviços, o atendimento telefónico ou por email», informa a autarquia em comunicado.
O município de Esposende seguiu a mesma linha e, no seu site, informa a adoção de medidas específicas para a biblioteca e atendimento personalizado, pedindo aos munícipes que privilegiem o contacto telefónico ou por e-mail. Estão ainda suspensos os eventos do município para idosos.

A Câmara Municipal de Vizela emitiu um comunicado no qual informa que, dada a proximidade aos concelhos de Felgueiras e Lousada, onde está concentrada a maioria dos casos de infeção, irá proceder a alterações de funcionamento dos edifícios municipais: o edifício sede de atendimento ao público mantém-se aberto as os munícipes devem aguardar a sua vez no exterior do edifício, após retirarem a senha; serão desmarcadas todas audiências e reuniões de trabalho por tempo indeterminado; a reunião de Câmara de hoje irá decorrer em regime de porta fechada; e encerram o Espaço Internet e a biblioteca. O mercado municipal mantém-se aberto, contudo com medidas de segurança e higiene reforçadas.
A autarquia está ainda a avaliar alterações da atividade da autarquia, o cancelamento de eventos – em particular as comemorações do 22.º aniversário do município – e a realização do referendo municipal. Cancelada está a Feira do Bolinhol.





Notícias relacionadas


Scroll Up