Fotografia: Redes sociais

Começou julgamento de indivíduo acusado de ter morto a mulher por asfixia em Salamonde

Decorre no Tribunal de Braga.

Nuno Cerqueira
30 Jan 2020

O homem suspeito de ter morto por asfixia a mulher em Salamonde, concelho de Vieira do Minho (ver aqui), começou hoje a ser julgado.

António Manuel Fidalgo é o principal suspeito de a 6 de março ter asfixiado a companheira numa lavandeira de uma casa na freguesia de Salamonde.

No Tribunal de Braga, o arguido começou por não prestar declarações, sendo que o julgamento decorre à porta fechada.

A família pede ao arguido uma indemnização de 505 mil euros por danos morais e materiais. O advogado João Magalhães, advogado de defesa, diz que «não está provado se foi ou não homicídio» (ver aqui).

A acusação diz que o arguido «apertou o pescoço da mulher», situação que «lhe causou a morte por asfixia» (ver aqui). Segundo avançou na altura a Polícia Judiciária, o crime registou-se num quadro de violência conjugal.

 





Notícias relacionadas


Scroll Up