Fotografia: DM

Visita pastoral deve ser um contributo para a renovação das paróquias e da Igreja

D. Jorge Ortiga a propósito da apresentação da obra “A Visita Pastoral Canónica -do Bispo à Diocese”, da autoria do padre Mário Rodrigues

Carla Esteves
28 Jan 2020

O Arcebispo de Braga defendeu hoje que a visita pastoral canónica do Bispo constitui mais um contributo para a renovação das paróquias e da própria Arquidiocese. D. Jorge Ortiga falava durante a apresentação da tese de doutoramento “A Visita Pastoral Canónica – Do Bispo à Diocese”, da autoria do diretor do Seminário Menor Arquidiocesano de Nossa Senhora da Conceição, padre Mário Martins Rodrigues.

A obra foi apresentada no Auditório Vita, logo após a Jornada de Formação do Clero, e debruça-se sobre a visita pastoral do Bispo à diocese, através do seu percurso histórico-jurídico. O trabalho foi desenvolvido enquanto tese de doutoramento em Direito Canónico na Pontifícia Universidade Gregoriana, em Roma, e tem o mérito de apresentar o outro lado da visita pastoral, encarando-a como instrumento fundamental de governo pastoral do Bispo e expressão da sinodalidade eclesial.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up