Fotografia: Nuno Cerqueira

Ano 2020 pode marcar o arranque das obras do futuro quartel e com novo comandante

Jantar de Natal dos Bombeiros Voluntários de Braga.

Nuno Cerqueira
22 Dez 2019

Pode ser já na próxima segunda-feira que o processo do novo quartel dos Bombeiros Voluntários de Braga (BVB) comece e ganhar “alicerces”.

Esta foi uma das notas deixas ontem pelo presidente da Real Associação Humanitária dos BVB, capitão Ferreira, no jantar de natal da corporação.

Segundo foi possível apurar por este jornal, o sub-chefe, que assume no momento funções de comandante interino, Pedro Ribeiro, pode vir a ser o novo comandante da corporação.

«Julgo que está a fazer um excelente trabalho. É um processo que está a decorrer e que muito em breve haverá novidades. É tudo uma questão de aprovação pelas diferentes autoridades que fazem parte de um processo de escolha de um comandante», disse o capitão Ferreira.

O presidente da direção dos BVB reconheceu publicamente, deixando uma agradecimento sincero, o esforço feito ao longo do ano pelo corpo ativo. «Homens e mulheres voluntários que a troco de quase nada estão aqui. Sempre prontos para servir a cidade e o concelho de Braga, assim como missões fora do nosso espaço. Bombeiros voluntários que têm a coragem do o continuar a ser bombeiros», disse o presidente, justificando desta forma as melhores condições possíveis para o conforto da corporação.

«Sem dúvida que seria a nossa prenda de natal. A Câmara está a analisar várias situações e pode já desbloquear do nosso quartel na próxima segunda-feira, numa reunião que vai decorrer», afirmou.

A Câmara de Braga está ajudar no projeto, sendo que os BVB têm um promotor que fica com o atual edifício do quartel e constrói o novo quartel em São Paio de Arcos, perto do nó de acesso ao concelho de Guimarães. No entanto o promotor entregou um pedido na Câmara para ver o que pode ser feito no atual quartel.

«Esperamos que o processo chegue a bom porto disto. Pode ser que num princípio do próximo ano haja novidades. Seria bom chegarmos ao próximo natal e estar o novo quartel em processo de construção», disse.

Durante o jantar os BVB entregaram três diplomas de honra – Carlos Coimbra, da Farmácia de Lamaçães, Manuel Ferreira, da Pro-Cabelo, e a Juventude Popular de Braga – e a medalha de mérito e honra de ouro a Francisco Mota.

«Pessoas e instituições que têm ajudado esta corporação», justificou o capitão Ferreira.





Notícias relacionadas


Scroll Up