Fotografia: Nuno Cerqueira
Quedas de árvores e algumas inundações foram consequências do mau tempo no Minho

Distrito de Braga e Viana do Castelo.

Nuno Cerqueira
22 Nov 2019

Várias quedas de árvores, nomeadamente em Vieira do Minho, Vila Verde (2), Cabeceiras de Basto, Esposende, Guimarães, Melgaço, Monção (2) e Arcos de Valdevez, e desabamento e inundações de estruturas, são os danos visíveis durante o dia de hoje, onde os distritos de Braga e Viana do Castelo tiveram 24 horas mais “agrestes” no que diz respeito à meteorologia.

A chuva – segundo o IPMA é para continuar – caiu em abundância e acompanhada de ventos fortes que ultrapassaram no litoral e terras altas os 100 km/h.

Em Viana do Castelo o mau tempo provocou ainda algumas derrocadas, nomeadamente nas ruas Pinhal da Ola, das Casteneiras e da Travessa, na capital do Alto Minho. Em Braga as inundações ocorreram em Barcelos, na freguesia de Arcozelo.

Em Ponte de Lima a água rio invadiu o areal.

Segundos os CDOS de Braga e Viana do Castelo não há desalojados ou feridos resultante das situações.





Notícias relacionadas


Scroll Up